Início / Motos / Conheça a nova Honda CRF 250L

Conheça a nova Honda CRF 250L

Honda, Motos, Yamaha, Motos

Produzida na Tailândia, o modelo que utiliza o mesmo propulsor da CBR 250R deverá chegar ao Brasil ainda no primeiro semestre de 2012. A nova CRF 250Lvem para preencher a lacuna deixada após a substituição da antiga Tornado para a XRE 300, que embora tenha evoluído com a injeção eletrônica e o C-ABS, perdeu boa parte do caráter off-road da antiga XR 250.

A nova trail da marca nipônica utiliza chassi duplo berço e dupla viga, é propulsada por um monocilíndrico DOHC com 4 válvulas e alimentação por injeção eletrônica e monta bengalas invertidas sem regulagens e monoamortecedor fixado em balança de alumínio. Os freios são a disco em ambas as rodas e a postura de pilotagem é adequada para a proposta off-road, abrindo mão do conforto e ressaltando a esportividade.

Um painel digital é responsável por passar todas as informações ao piloto, que por sua vez, pode até oferecer carona a alguém, já que a motocicleta oferece pedaleiras para garupa fixadas no sub-chassi.

Com esse lançamento a Honda completa a linha trail de baixa cilindrada, e embora a CRF possa ter um preço semelhante ao da XRE, esses modelos atingem consumidores de diferentes nichos. Quem pode se dar mal com isso é a Honda CRF 230, que apesar de todos os benefícios aos praticantes do off-road, não pode ser emplacada.

  • Concorrente:

Exibida no Salão de Milão e também no Tokyo Motor Show, a Yamaha possui uma concorrente a altura da nova Honda CRF 250L. Trata-se da WR 250R, que possui basicamente as mesmas características técnicas da marca rival, porém, com um design ainda mais agressivo e voltado para as competições fora de estrada. Alguém aí pode imaginar como seria interessante uma disputa de mercado entre essas duas aspirantes off-road?

Notícias de motocicletas nacionais e importadas, Honda, Yamaha, Suzuki, Kawasaki, etc.

Veja isso também

cryp

Yamaha Crypton 115 2016

A briga com a Biz 100 foi bem apertada. No fim, a Crypton levou por causa das rodas aro 17 ...

7 Comentário

  1. a honda ta de sacanagem, qué mata papai, 143 kilos, abre o olho japones!!!

  2. Como já mencionado anteriormente, há atualmente uma enorme lacuna entre categorias. Antes haviam, nas monocilíndricas: 250, 350, 400, 600. Atualmente, 250 (Lander), 300 (XRE) e 660 (XT), e todas com 5 marchas. A Honda Bros, Pop 100, e CG Fan, gostei da avaliação, ficha técnica e o consumo médio, com vendas na casa de 1,5 milhão de motocicletas no ano passado, parece não se preocupar com o consumidor: o que ela puser para vender, é facilmente consumido. A Yamaha parece ter feito acordo de ser um mero coadjuvante da Honda Bros, Pop 100, e CG Fan, gostei da avaliação, ficha técnica e o consumo médio, não tendo produto competitivo na categoria trail média cilindrada. Se chegar a CRF250L estarei na fila de aquisição… mas o que desejaria seria uma monocilíndrica de 400~450cm³.

  3. Quem tá pagando um consorciio da Crf 230 , oq faz essa vem subistituir ela e .

  4. Alguem sabe se essa maquina chega ao Brasil até julho .

  5. a mais jeitada qq eu ja vii até hjjjjj

  6. 23 cv de potência tem a enceradeira aqui de casa. Brasileiro se contenta com tanta modelos 2016 e 2017 avaliação, ficha técnica e consumo….Deus me livre ! ! !

  7. nao gostei ficou cheia de nhenhenhe ta parecendo com uma moto de alienigena igual a xre 300.q porcari as motos da honda twister falcon tornado poderiam ser mais simples mais davam de mil a zero nessas novas.tinha designer de moto.prefiro minha lander 2012bonita e cheia de surpresas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>